Restrições à logística urbana aumentam os custos do transporte de cargas – Rota System
ACESSO RESTRITO Monitoramento 24h 2ª VIA DE BOLETO (54) 3355-1555 vendas@rotasystem.com.br
ACESSO RESTRITO Monitoramento 24h 2ª VIA DE BOLETO (54) 3355-1555 vendas@rotasystem.com.br

Restrições à logística urbana aumentam os custos do transporte de cargas

voltar
23/maio/2018

As medidas restritivas ao trânsito de caminhões geram um aumento de 15,4% nos custos da atividade de transporte. Isso significa que um transportador contratado para fazer um frete a uma cidade onde não há medidas restritivas à logística urbana terá um custo de R$ 100 para exercer sua atividade. Contudo, se esse destino tivesse restrições, o custo seria de R$ 115,40.

Os dados integram a nova edição do Economia em Foco, divulgado pela CNT (Confederação Nacional do Transporte) nesta sexta-feira (18). O boletim traz uma análise dos custos adicionais gerados aos transportadores devido às restrições de circulação existentes nos grandes centros urbanos.

O cálculo mostra como os transportadores são onerados e também evidencia a tendência de repasse do custo em cadeia, aumentando, assim, o preço final dos produtos. Segundo o estudo Logística Urbana: Restrições aos Caminhões, divulgado pela CNT em abril, o custo adicional do frete pode ser de até 20% devido às restrições.

 

 

Fonte: Agência CNT de Notícias


Copyright 2017 - Todos os direitos reservados.